Um deleite estético

Olá gente!Hoje vou comentar sobre um livro que mesmo depois de folheá-lo incontáveis vezes,ainda me encanta.Acho lindo a capa,o título, as ilustrações e a história. O comprei para minha filha quando ela tinha 1 aninho ( hoje ela está com 12) e dias atrás nós duas resolvemos lê-lo novamente!Trata-se de uma fábula onde o coelhinho lança o seguinte enigma ao pai coelho: adivinha quanto eu te amo.A tentativa do coelhinho de mensurar o amor que ele sente pelo pai é mágico e lúdico,pois ele usa o seu corpo esticando os braços,ficando na ponta dos pés,pulando cada vez mais alto,mas tudo isso é superado pelas medidas maiores do pai.O mocinho não se dá por vencido e vai procurar no ambiente em que vivem outros elementos maiores que ele para mostrar o tamanho do seu amor pelo pai.
A ilustração em tons pastéis e com traços delicados evolui paralelamente à do texto escrito,o que facilita e muito para leitores iniciantes.
Esse livro me deixa encantada, ele é pra mim uma poesia ilustrada!
Irei comprar outro para presentear minha sobrinha que fará 2 aninhos, sei que quando começar a ler vai entender o porquê de eu ter dado a ela.






É uma boa dica de presente para pequeninos que amamos,não acham?
E aí fica a questão: Qual é o tamanho do amor? É possível medir???
Beijossss

14 comentários:

Kris Kabral participou com o comentário número:

Que lindinho Cin...
Tenho certeza que ela amou o livrinho!
Bjs

patty participou com o comentário número:

Que lindo esse livro, Cíntia, concordo! Bjs.

Gaby participou com o comentário número:

Oi amiga,
Que gesto tão delicado da sua parte, assim é um jeito de expressar também o quanto vc ama sua filhinha, gostei da dica.

Bjs

Silvana - Interior Adentro participou com o comentário número:

Oi Ci!!!

Tem coisas uqe não dá mesmo pra mensurar.

Acho que está fábula, que não conheço, quer dizer exatasmente isso. O fato do garoto buscar um tamanho maior e não encontrar... Talvez para passar à ceriança que nem tudo tgem que ter medida, que sentimentos são assim mesmo, incalcul+aveis.

Eu não tive filhos, nem terei, então de literatura infantil sou limitada. Apenas meus livros de infancia e um ou outro que dou aos sobrinhos....rs

Pra minha sobrinha de 11 anos dei de Natal o livro A Marca de uma lágrima, do Pedro Bandeira.

Fez o maior sucesso, pois a Vivi leu em uma semana, e recomendo a sua filha. Ela vai adorar essa historinha linda de amor, é bem da idade dela. é um livro barato, pesquise e compre pra ela que vai fazer sucesso! :O)

Beijoooo

Paula... participou com o comentário número:

Ah! Como é doce ler este post! Sempre me emociono quando o assunto são nossos filhos...que livro lindo amiga! Não só para os pequeninos, mas também para os grandiinhos.

Beijoooo grandeee.

Fê Muniz participou com o comentário número:

Nossa o livro deve ser realmente muito lindinho.
As ilustrações me lembraram os coelhinhos do filme Miss Potter. Vc já assistiu? Se não é uma boa dica, vc vai adorar.

Beijokinhas e um FDS iluminado pra ti epra sua família :)

Fernanda Fernandes participou com o comentário número:

oi querida com certeza ela vai amar...adorei os deseninhos do livro,a tempos não foleio um!!

beijão

fernanda

RENATA REIS participou com o comentário número:

Amiguinha, eu amo literatura infantil, tenho varios livrinhos ainda da epoca em que eu trabalhava com crianças, passei pra te desejar uma linda semana, beijos!

Thaiza Nacaxe participou com o comentário número:

Amor é um sentimento imensurável. Se der pra medir, não é amor!!

Lindo o livro, adorei!!

Beijos!

Adelaide participou com o comentário número:

Acredito que essa questão é bem válida pois sempre os pequenos querem medir, lembrou-me minha filha quando pequena...hoje ela está com 13 anos e sempre lemos muito juntas.
Abraços
http://euseivoucontar.blogspot.com

Mery Vale participou com o comentário número:

Tem livroa que a gente nunca esquece....eu lembro bem qunado tinha 7 aninhos e minha mãe me deu o livro "O Pintinho Vaddio",a história uma graça e a ilustração também...mesmo para a época, e olha que faz tempo nisto...rsrsrs!
São estes pequenos detalhes que fazem uma grande diferença...tenho certeza que lá na frente,sempre lembrarão deste carinho!
Amei Cíntia!
Bjus,
Mery

Fabiano Mayrink participou com o comentário número:

Oi Cintia li seu comentario, brigado! Na viagem que fiz pra casa da minha vó achei um livro infantil do meu priminho, não era esse tambem fiquei encantado pelos desenhos, a historinho do livro que li é real, vou comentar no post de hj sobre o livro, as vezes é tao gostoso ler livros infantis, bjs!

Fabiano Mayrink participou com o comentário número:

ps: Cintia eu nunca disse mais seu rosto parece muito com o de minha prima que mora em belo horizonte, só que ela tem cabelos pretos lisos

Simplesmente Doroteia participou com o comentário número:

OI ESSE LIVRO É MESMO UMA GRAÇA , TENHO ELE E SEMPRE LEIO Para PARA MEUS ALUNOS . BEIJO